Mulheres: No Ar Coquetel Molotov incluído em iniciativa global



Por Luma Araújo

O Festival No Ar Coquetel Molotov foi incluído do Keychange, iniciativa internacional e pioneira que visa encorajar as mulheres a transformar o futuro da música e e dos festivais, através do equilíbrio de gênero em sua programação, enfrentando a desigualdade de gênero na indústria da música. A novidade foi anunciada, nesta terça (26), pelos produtores Ana Garcia e Jarmerson de Lima

Tendo uma atuação engajada em suas últimas edições, com projetos e ações que estimulam o combate ao assédio feminino e a empatia com as mulheres, o No Ar Coquetel Molotov foi inserido em um seleto grupo global de eventos, sendo o primeiro festival latino-americano envolvido no Keychange.

Apoiada por um fundo de inovação para testar novos projetos e idéias, a Keychange visa acelerar a mudança de antigos padrões criando uma indústria da música mais inclusiva para as gerações presentes e futuras por meio da participação equânime das mulheres em eventos.

Entre os festivais que fazem parte da iniciativa estão o Bestival, Reeperbahn Festival, Iceland Airwaves, Tallinn Music Week, Glasgow Jazz Festival e Liverpool Sound City.

15 ANOS

A edição que celebra os 15 anos do No Ar Coquetel Molotov será realizada no dia 17 de novembro e novamente no Caxangá Golf Club. São esperadas atrações locais, nacionais e internacionais com uma programação que reúne música, cinema, moda e um encontro de Vogue.

No ano passado, o No Ar atraiu uma média de oito mil pessoas e ganhou o selo de Evento Neutro com o Certificado de Neutralização de Carbono. O ativismo, a quebra de preconceitos de gênero, bem como o combate ao assédio feminino também foram marcantes na edição anterior do evento, aliando o melhor da música independente com as artes e a cultura na capital pernambucana. 


O festival No Ar Coquetel Molotov antecipa tendências no país e reflete os anseios do público jovem dos tempos atuais, reverberando seu potencial para além dos dias e dos locais onde é realizado. Com intercâmbio e parcerias consolidadas com órgãos culturais internacionais a exemplo do Institut Français, Bureau Export, Consulado dos Estados Unidos e Embaixada da Espanha, grupos como Deerhoof, La Femme, Moodoid, Russian Red, Sebastien Tellier, Los Nastys e Hinds tiveram suas primeiras vindas ao país através do No Ar. 

Com edições ininterruptas desde 2004, o festival já realizou mais de 200 shows com diversas atrações de estilos e gêneros diferentes. Belo Horizonte, Salvador e Fortaleza já receberam edições especiais do festival que hoje é uma referência nacional no cenário independente.

Serviço:
Festival No Ar Coquetel Molotov
Dia 27 de novembro, no Caxangá Golf Club

PARA LER E COMPRAR (Clique nas imagens)






Comentários