Veteranos da cena metal estreiam projeto Pesado DJ SET

Os DJs metálicos Osman Frazão e Wilfred Gadêlha. Foto: Hugo Muniz


A estreia do Pesado DJ SET vai rolar no dia 26 de outubro, no Estelita, quando tocarão Violator, Damn Youth, Echoes of Death e Corroídos Pelo Ódio

Via de regra, DJs são associados à música eletrônica, raves e batidas hipnóticas do trance. É uma visão que se sustenta há muitos anos. Por outro lado, as pessoas quase nunca fazem alguma ligação com o heavy metal. Pois é nesses estereótipos que os pernambucanos Osman Frazão e Wilfred Gadêlha querem dar uma catucada.

Figuras carimbadas no cenário pesado de Pernambuco,  Frazão e Gadêlha criaram o projeto Pesado DJ SET. A proposta é levar às plateias de headbangers, punks e adeptos das sonoridades mais extremas um set de música calcado nos clássicos e em novidades do heavy metal e do hardcore, além de uma ênfase nos artistas locais. 

Ex-baixista da banda Matalanamão e já experiente na lida com as pickups e controladoras, Osman Frazão desenvolve desde os anos 1990 uma carreira como DJ Tarzan, onde explora outras variedades musicais em eventos fora do gueto metal. "Os DJ sets têm se tornado uma tendência nos festivais de metal mundo afora. Queremos trazer isso para a nossa cena", explica Frazão.

Autor do livro Pesado - Origeme Consolidação do Metal em Pernambuco e roteirista do documentário Pesado - Que Som É Esse Que Vem de Pernambuco?, Gadêlha também é músico, tendo passado por bandas como Cruor, Câmbio Negro HC e Will2Kill. "Há uma coisa que se perdeu ao longo dos anos, que é essa coisa de curtir metal com os amigos. A gente fazia isso na casa da galera e nas lojas. Trazer de volta a velha e boa violência amigável, como diria o Exodus", completa.

"A gente não quer competir com as bandas. Pelo contrário, ter um DJ set num festival serve para você conhecer coisas novas e lembrar das velharias que estavam na gaveta da memória", diz Gadêlha. "É também algo que se justifica pela forte característica autoral da nossa cena. Vamos ter a responsa de tocar no 'sonzão' ao vivo aquelas músicas que a gente adora ouvir nos headphones", reforça Frazão.




Violator no Recife

A banda Violator toca no dia 26 de Outubro de 2019, no Estelita. As cearenses Damn Youth e Echoes of Death (que vem pela primeira vez ao Estelita) e a pernambucana Corroídos pelo Ódio também estão escaladas para abrir a apresentação do grupo thrash metal de Brasília.

Os ingressos de primeiro lote são limitados e estão custando R$ 30 (meia entrada), R$ 35 (social) e R$ 60 (inteira) e já estão à venda no site Sympla e na loja Disco de Ouro. 

Os ingressos são limitados, de acordo com a capacidade da casa. Garanta já sua entrada!

Serviço:
Violator no Estelita
Shows: Violator (DF) Damn Youth (CE), Echoes of Death (CE) e Corroídos pelo Ódio (PE)
Local: Estelita (Av. Saturnino de Brito, 385, Cabanga, Recife)
Data: 26/10/2019 (Sábado)
Horário de abertura da casa: 20h
Ingresso: R$ 30 (meia entrada), R$ 35 (social) e R$ 60 (inteira)
Venda online: https://www.sympla.com.br/violator-no-recife--estelita__604432
Ponto de venda: Disco de Ouro (Rua 7 de Setembro, 318, Boa Vista - apenas em dinheiro)
Censura: 18 anos.

Menores de idade com 16 e 17 anos podem entrar no evento acompanhados por um responsável legal (pai, mãe, avô, avó ou irmã(o)), ou então portando autorização devidamente preenchida e autenticada em cartório, em duas vias. Para receber um modelo de autorização, basta solicitar via inbox na página do Estelita.

Comentários