Recife recebe primeira Expomusic Regional



Nesta sexta-feira (dia 18), começa a feira de negócios e networking com as maiores marcas do mercado de instrumentos musicais e equipamentos de áudio

Por Celso Calheiros

Primeira vez no Nordeste, Expomusic escolheu o Pernambuco para fazer sua primeira feira fora de São Paulo. A partir de sexta-feira (dia 18), o Recife deverá ser considerado a capital da música no Nordeste, com a Expomusic Regional Recife. A feira de negócios e networking terá perto de 50 marcas de instrumentos musicais, verdadeiros ícones para músicos e produtores, além de equipamentos de áudio e acessórios. O evento gera expectativas entre profissionais, estudantes de música, empresários e técnicos de um setor conhecido pelo interesse que desperta: mais de 500 inscrições foram feitas antecipadamente, pelo site [www.expomusic.com.br]

O formato regional da Expomusic é uma inovação da Francal Feiras e atende a demanda de grandes distribuidores, importadores e fabricantes. O presidente da Francal Feiras, Abdala Jamil Abdala, conta que o modelo favorece a aproximação entre empresários e também atrai consumidores das suas marcas queridas. “A feira é para negócios e networking, relacionamento B2B e B2C. Envolve todo o setor profissional”, explica o líder da Francal Feiras.

O presidente da Associação Brasileira de Música (Abemúsica), Synésio Batista da Costa, também à frente do evento, acredita que os visitantes sairão do Mar Hotel Conventions, em Boa Viagem, satisfeitos. “São pessoas diferentes. O lojista, o profissional de áudio, o fã da música são pessoas que conhecem as novidades, mas querem ver de perto, quer tocar a novidade, ouvir o som”, explica.

São expositores confirmados a Santana Centro, Edifier, Royal Music, Habro, Deval, Tagima / Nagano, Núcleo Musical, Pride Music, Krest Cymbals, Open Smoke, PZ Proaudio e Tiaflex fios e cabos especiais. Vão levar uma montanha de instrumentos e equipamentos para o “Moisés” baseado no Nordeste. São violinos, violões, pratos de bateria, capas, cases, plugues, cabos e um sem fim de especificações de marcas, modelos, que são uma característica do setor.

Preços

As variações que a moeda norte-americana tem sofrido nos últimos dias também é outro motivo de interesse pela Expomusic Regional Recife. Grande parte dos expositores é de importadores que mantêm os preços de compra sem a variação cambial, como anuncia o Mateus Andalécio, da Tiaflex, empresa com 30 anos no mercado. “Vamos ao Recife com a tabela baseada no dólar antigo e teremos descontos para os negócios fechados na feira”.

Outras características são reveladas pelos expositores. O diretor do Núcleo Musical, Edson Lopes, conta que a região é grande consumidora de um modelo de equalizador e afinador para violões, que não tem a mesma saída em outros estados do país. “É parecido com a flauta doce barroca: só vende na região Sul. No Nordeste, preferem a flauta doce germânica”.

A Expomusic Regional Recife é o evento para promoção de negócios dos instrumentos musicais, dos acessórios e de equipamentos de áudio, aberta ao público, mas sem venda direta. Todos podem fazer sua inscrição e verificar as novidades pelo site da Expomusic [www.expomusic.com.br] ou pelos canais digitais da Feira no Facebook e no Instagram.

Expomusic Regional Recife:
Dias 18 e 19 das 10h às 19h e, no dia 20, das 10h às 16h.
Mar Hotel Recife Conventions Boa Viagem
Rua Barão de Souza Leão, 451 – Boa Viagem
www.expomusic.com.br

Comentários