Karol Conka lança clipe de "Cabeça de Nego", música de Sabotage. Assista

Karol Konka em cena do clipe. Foto: divulgação


Por Piky Mariana Candeias
pikycandeias@batucadacomunicacao.com

Essa semana a cantora Karol Conka lança nas plataformas digitais sua versão para "Cabeça de Nego", música de Sabotage, em parceria com Tejo Damasceno e Rica Amabis, e lançada no disco "Coleção Nacional", do Instituto, em 2002. Foram eles também que produziram, em parceira com Boss in Drama, essa nova versão. Desde o princípio a ideia era que Karol entrasse no universo de Sabotage levando sua personalidade. Assim foi na parte musical, na foto para a capa do single e no clipe, uma visita a favela do Boqueirão, bairro do rapper assassinado em 2003.

Produzido pela Gullane Entretenimento, o videoclipe de "Cabeça de Nego" foi dirigido por Johnny Araujo e Leandro Lima, Johnny Araujo é um dos mais experientes nesse segmento, indicado 23 vezes ao VMB. "Desde o começo esse trabalho me trouxe lembranças dos muitos clipes de rap que dirigi, pois foi assim que comecei. Para mim e para todos os envolvidos era uma volta ao passado, mostrar hoje, de onde veio o genial Sabotage. A ideia era ser o mais natural possível e por isso procuramos não interferir em nada, não produzir ou alterar o real. O conceito era raiz. E a Karol, desde o primeiro minuto que pisou lá, interagiu com todo mundo de uma maneira muito natural e verdadeira. Isso foi o diferencial do clipe, o ponto forte" - explica Johnny. 

CONTRIBUA com o Interdependente - música e conhecimento
http://www.interdependente.com/2018/03/contribua-com-gente.html

"É um clipe de rap feito em 2018 com uma pegada do que a gente fazia há 10, 15 anos atrás". O registro tem um clima cinematográfico pois Johnny Araujo "migrou" para o cinema e esse também é o DNA da produtora desse vídeo, a premiada Gullane Entretenimento, que também trabalhou com Sabotage no longa-metragem "Carandiru".

Logo no início do filme, Karol Conka conversa com Hadji, hoje seu DJ, mas que tocou anos com Sabotage. Depois a câmera mostra o time de futebol criado em sua homenagem, o som do lugar, o rosto das pessoas. "É um clipe extremamente humano e verdadeiro, com a presença dos filhos do Sabotage, Sabota Jr. e Tamires, da neta Allice e do amigo de infância, Bola. Todos os envolvidos nesse trabalho estavam ali por amor e respeito a tudo que essa história representa" - finaliza Johnny. 



Comentários