Pitty, Elza Soares, Diablo Angel, Tagore e Zeca Viana lançam vídeos



Assista aos novos vídeos da baiana Pitty (foto), dos pernambucanos Diablo Angel, Tagore e Zeca Viana, e da carioca Elza Soares.

Zeca Viana lança vídeo caseiro de "Fata Morgana"

A faixa faz parte do álbum TRËMA. As gravações foram feitas com um iPhone 7, nas praias de Calhetas, Enseada dos Corais e Gaibú, localizadas no litoral sul de Pernambuco. Direção e fotografia: Kamila Ataíde. 



Diablo Angel lança clipe de "Bird of pray", inspirado na pandemia

O trio pernambucano Diablo Angel se inspirou na situação atual do mundo para produzir o clipe da música "Bird of pray", que faz parte do disco "Futuro". A banda explicque a canção fala de perdas no campo humano e também ambiental. "É sabido por todos nós que a vida humana é completamente dependente da vida natural, sem as florestas não há água, não há chuvas, não há vida possível para pessoas e animais. Importante colocar que estamos passando por uma grave ameaça ambiental nesse momento. Uma pandemia é consequência da derrubada das florestas e habitats naturais", expõe o grupo liderado pela guitarrista e vocalista Kira Aderne.




Pitty lança versão do clipe de "Submersa" feita pelos fãs

Mês passado a cantora e compositora Pitty pediu, em seu canal na Twitch, que os fãs mandassem vídeos feitos em casa para uma nova versão do clipe de "Submersa". Muitos fãs enviaram e Otavio Sousa editou o vídeo, que ficou incrível. "Me emocionei real! Quantas vidas, realidades, sonhos e perspectivas no mesmo clipe. Estamos todos conectados" - comentou Pitty.

Além dessa versão, batizada de "Collab Submersa", há o clipe oficial de "Submersa", criado e gravado pela própria Pitty e editado pelo diretor Otavio Sousa. 


A ideia surgiu a partir do mesmo conceito e material que norteou as VideoTrackz de “MATRIZ”. Nesse projeto, Pitty produziu 13 vídeos divididos entre abertura, tracklist visual das faixas do álbum e encerramento com créditos. Os roteiros desses pequenos vídeos foram pensados para serem executados de forma simples e criativa, em casa, com objetos cotidianos e recursos de edição simples e populares.

Pitty tem uma programação semanal na Twitch de terça a sexta com as sessões fixas "Na Minha Estante", "Di Versa" e "Sexta Sem Lei".


Tagore lança lyric video de "Drama"

Enquanto prepara o lançamento de seu novo álbum, o pernambucano Tagore lança o lyric video de “Drama”. O vídeo conta com a produção e direção de Juliana Ladeira e traz ilustrações do próprio Tagore. “Fizemos da animação do lyric, uma extensão do universo futurista criado para a capa do single, no qual o viajante cósmico desliza sobre o tempo em sua bolha etérea”, comenta o artista. 

"Drama", já disponível em todos os aplicativos de música, foi composta por Tagore em parceria com Fernando "Dinho" Almeida, do Boogarins, que também participa cantando e tocando guitarra. A faixa foi gravada no estúdio Space Blues por Tagore (voz, violão e guitarra), João Cavalcanti (baixo e synth) e Pupillo (bateria e percussão). 


Elza Soares lança clipe de "Juízo Final", música de Nelson Cavaquinho

Pensando no momento atual, Elza escolheu interpretar o clássico de Nelson Cavaquinho e Elcio Soares, que versa sobre a constante luta entre o bem e o mal. O clipe, dirigido e idealizado por Pedro Hansen, reforça essa ideia, através de uma narrativa futurista na qual a heroína Onda Negra combate um inimigo baseado numa Brasília situada em meio ao deserto. 

"Onda Negra é minha personagem em quadrinhos, que tem muito orgulho da sua raça, ancestralidade, origens e de tudo que viveu. Uma jovem guerreira incansável na luta contra o racismo estrutural, os racistas, machistas, fascistas, homofóbicos, corruptos e os maus políticos. Uma jovem negra de cabelo black power roxo, uma menina comum, de origem comum, como qualquer uma de nós. Seu ‘superpoder’ é o canto grave, rouco, que usa para aniquilar toda sorte de maldade que encontra pelo caminho. Suas ondas sonoras poderosas atravessam toda forma de preconceito, de injustiça, de violência doméstica. Uma guerreira que também usa sua voz para acalentar um coração amoroso, para animar a roda de samba, para protestar com muito rap, hip hop, rock'n'roll", conta Elza.



Comentários

Postar um comentário

Olá! Comentários com xingamentos não serão aceitos.