Cuidados paliativos é tema do Interdependente. Ouça



"Viver e morrer não são opostos. Pelo contrário, são partes de um continuum, de uma linha. A morte faz parte da vida e, por isso, afirmo a vida e aceito a morte quando ela é inevitável. Na medida em que afirmo a vida, vou querer que a pessoa viva plenamente até o último minuto".

A reflexão é da médica Zilda Cavalcanti, convidada do Interdependente - música e conhecimento, deste sábado (1), na Universitária FM de Pernambuco. Ela fala sobre a sua especialidade, relação do médico com pacientes e familiares, além de espiritualidade.

Os cuidados paliativos formam conjunto de práticas de assistência ao paciente incurável, tendo como principal objetivo oferecer dignidade e diminuição de sofrimento a ele e à família.

A médica Zilda Cavalcanti. Foto: Arquivo pessoal

Zilda Cavalcantil é associada da Academia Nacional de Cuidados Paliativos (ANCP), trabalha no setor de cuidados paliativos do Imip - Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira, tutora da FPS (Faculdade Pernambucana de Saúde) e é conselheira do Cremepe (Conselho Regional de Medicina de Pernambuco).

Além da entrevista concedida ao jornalista e músico AD Luna, a doutora Zilda Cavalcanti sugeriu músicas de Gonzaguinha, Milton Nascimento e Titãs. A edição é de Gustavo Augusto. 

OUÇA O PROGRAMA NA ÍNTEGRA



Sobre o Interdependente


O site www.interdependente.com é parceiro de conteúdo do NE10 - um dos maiores portais de internet do Nordeste.

Indicação de leitura

A Morte É Um Dia que Vale a Pena Viver
por Ana Cláudia Quintana Arantes

A morte é talvez o maior medo de boa parte das pessoas, além de ser ainda um tabu. No entanto, Ana Claudia Quintana Arantes nos mostra, neste livro, que a grande questão envolvendo a morte, na verdade, é a vida.

Como estamos vivendo? Nossos dias estão sendo devidamente aproveitados ou vamos chegar ao fim desta jornada cheios de arrependimentos sobre coisas que fizemos – ou, pior, que não fizemos?


Ana Claudia, médica especialista em Cuidados Paliativos, compartilha suas experiências pessoais e profissionais e incentiva que as pessoas cultivem relações saudáveis, cuidem de si próprias com a mesma dedicação com que cuidam dos parentes e amigos e procurem ter hábitos saudáveis, sem deixar de fazer aquilo que têm vontade e as torna felizes.

Este livro apresenta uma reflexão fundamental para os dias de hoje, tempo em que vivemos com a sensação permanente de que estamos deixando a vida escorrer entre os dedos. (Texto da Amazon)

Comentários